Sindicato dos Servidores da Assistencia Social e Cultural do GDF

DESVALORIZAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO É UMA DAS RAZÕES DA CRISE ECONÔMICA

09/05/2022 08:37

Ao acabar com a política de aumento real do salário-mínimo, Bolsonaro contribui com o aprofundamento da crise econômica. Com menor poder de compra, os que ganham salário-mínimo, hoje no valor de R$ 1.212,00, e que são a maior parte dos aposentados e trabalhadores do setor privado, reduzem o movimento do comércio e aumenta a crise da indústria, gerando mais desemprego.
 
A superação da atual crise passa, entre outras iniciativas, pelo aumento real do salário-mínimo para percentuais acima da inflação, até que se alcance o valor estipulado pelo Dieese, conforme preconiza a Constituição.
 
 
Foto: Reprodução / redebrasilatual


Ultimas Notícias


13/05/2022

POR QUE NÃO ESTENDER A GAP A TODOS QUE ATENDEM AO PÚBLICO NA ASSISTÊNCIA SOCIAL? É lógico e é justo.

Ver Notícia

16/05/2022

SINDSASC REIVINDICA ESTÍMULO AO APRENDIZADO DA LIBRAS

Ver Notícia

16/05/2022

MAIS UMA VITÓRIA DO SINDSASC RELATIVA AO PAGAMENTO DO RETROATIVO DA 3ª PARCELA, DESSA VEZ NO STJ

Ver Notícia

12/05/2022

INFORME SINDSASC – Nº 209 – ano 7

Ver Notícia

12/05/2022

TV SINDSASC 12/MAI às 17h | Encaminhamentos da Assembleia de 10/05

Ver Notícia

13/05/2022

INCORPORAÇÃO DA GDS AO VENCIMENTO BÁSICO ESTÁ NO PROJETO DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA 2023

Ver Notícia

13/05/2022

TV SINDSASC - Encaminhamentos da Assembleia de 10 de Maio [12/05/2022]

Ver Notícia

11/05/2022

REAJUSTE DO AUXÍLIO-ALIMENTAÇÃO MANTÉM DIFERENÇA DE TRATAMENTO NO GDF

Ver Notícia