Sindicato dos Servidores da Assistencia Social e Cultural do GDF

REPLETA DE IRREGULARIDADESA PARA RATIFICAÇÃO DO SINDSSE FOI ANTIDEMOCRÁTICA

16/05/2016 22:05

 

Ao contrário do SINDSASC, que tentou garantir uma assembleia com um mínimo de equilíbrio e transparência, a postura dos dirigentes do Sindsse foi antissindical e antidemocrática:
Criaram dificuldades no credenciamento; iniciaram a assembleia quando ainda havia pessoas se credenciando; não deram a palavra aos membros do SINDSASC que são da carreira socioeducativa; não  permitiram sequer a entrada ao presidente do SINDSASC, mesmo reconhecendo que éramos parte interessada; não fizeram contagem de votos; e, o pior de tudo, não permitiram que os(as) servidores(as) usassem a palavra.
Não reconhecemos legitimidade nessa assembleia. A Nota Técnica do MTE não foi respeitada. O que houve hoje à tarde foi um triste episódio que enfraquece a nossa categoria, a carreira socioeducativa e o próprio sistema socioeducativo.
O SINDSASC não vai se omitir diante de práticas obscuras. Continuaremos representando, com democracia e transparência,  os servidores e servidoras da Secretaria da Criança.


Ultimas Notícias


05/08/2020

Sindsasc vai publicar artigos sobre a situação nacional

Ver Notícia

03/08/2020

CONCURSO DE REMOÇÃO DEPENDE DA ENTRADA DE NOVOS SERVIDORES

Ver Notícia

31/07/2020

Sindicato disponibiliza texto para requerimento de teletrabalho provisório

Ver Notícia

04/08/2020

PROMOÇÃO FUNCIONAL NÃO FOI IMPEDIDA PELA LEI 173/2020

Ver Notícia

04/08/2020

Políticas públicas devem estar na base para superar pandemia e planejar a retomada

Ver Notícia

31/07/2020

Progressões impedidas pela lei complementar 173

Ver Notícia

03/08/2020

Nomeação é questão de urgência

Ver Notícia